1/2

(60+) CDL/BH solicita aos senadores aprovação de projeto que incentiva a empregabilidade de idosos


Presidente da CDl/BH Marcelode Souza e Silva: o Projeto de Lei será votado nesta terça e prevê incentivos fiscais para empregadores A Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) solicitou nesta segunda, 21, apoio aos senadores que compõem a Comissão de Assuntos Econômicos do Senado Federal para aprovação do Projeto de Lei 4890/2012.


O projeto, que estará na pauta desta terça-feira, 22, prevê incentivos para empresas que contratarem profissionais com idade igual ou superior a 60 anos.

O projeto sugere, pelo período de cinco anos, incentivos fiscais aos empregadores que contratarem pessoas idosas.


Estão previstas as deduções dos 20% de contribuição sindical e do valor de um salário mínimo para cada semestre de trabalho vigente de idosos contratados.

“Entendemos que o trabalho após os 60 anos serve tanto para socializar e manter mente, corpo e emoções em movimento, quanto para complementar a renda.


Como boa parte destas pessoas ajuda de forma significativa no sustento das famílias e cuida de pais, filhos e netos, o trabalho e a renda dos 60+ impactam em toda a dinâmica familiar”, afirma o presidente da CDL/BH, Marcelo de Souza e Silva.

Fonte:

Cristina Reis

ASCOM CDL/BH


Atenciosamente,