1/2

Aeroporto Internacional de BH e Faculdade Ciências Médicas exercitam simulação de acidente de avião



Aeroporto Internacional de BH e Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais exercitam simulação com a participação de cerca de 600 envolvidos diretos


Na última semana, o entorno do terminal mineiro foi palco de uma queda fictícia de aeronave, com 180 pessoas a bordo.


LPEm um cenário localizado entre os municípios de Lagoa Santa e Vespasiano, cerca de 600 participantes simularam a resposta a uma emergência aeronáutica completa, empregando realismo ao treinamento protagonizado pelo fogo, fumaça e degradação dos eletrônicos, com destaque para a encenação de mortes, atendimento às vítimas, familiares e imprensa.


“Além de capacitar e garantir que todos os atores envolvidos estejam treinados, o Exercício Simulado de Emergência em Aeródromo (ESEA) representa a oportunidade de aprender e compartilhar conhecimentos”, assinala o gestor de Operações e Segurança da BH Airport, Robson Freitas.


“Conseguimos alcançar o que foi planejado, evidenciando a capacidade de responder às emergências aeronáuticas em tempo hábil para salvar vidas, mitigar danos materiais e estabelecer ações contingenciais para restauração das operações do aeroporto, utilizando todos os recursos operacionais disponíveis”, avalia.  


O simulado, que atende ao regulamento Brasileiro da Aviação Civil RBAC-153, tem o objetivo de aferir o Centro de Operações de Emergência (COE), as comunicações e alarmes, as ferramentas de suporte, o Posto de Coordenação Móvel (PCM), os recursos externos e internos, a remoção de vítimas, o Corpo de Voluntários de Emergência (CVE), o Plano Contra Incêndio de Aeródromo (PCINC)


O Plano de Remoção de Aeronaves Inoperantes e Desinterdição de Pista – PRAI e o Plano de Assistência às Vítimas de Acidente Aeronáutico e Apoio a seus Familiares – PAFAVIDA.  


S“Simulamos a ocorrência da queda da aeronave, com acionamento por meio do 193, nossa central de atendimento, e nos deslocamos para o local, integrando a nossa rotina de trabalho”, esclarece o tenente do CBMMG - Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, Tiago Garcia.


“Em treinamentos complexos como esse, com 180 vítimas, conseguimos prever um pouco daquilo que pode ocorrer e acertar as arestas entre as instituições, buscando prestar o melhor atendimento para a sociedade”, ressalta. 


Treinamento para estudantes 

A 7ª edição do Simulado do Trauma da Faculdade Ciências Médicas – MG foi realizada simultaneamente ao Exercício Simulado de Emergência em Aeródromo, inserindo os alunos dos cursos de Enfermagem, Fisioterapia, Medicina e Psicologia em uma atuação realista como vítimas e profissionais de atendimento, amparados pela estrutura técnica e operacional da instituição. O treinamento compreendeu também o transporte dos acidentados por via terrestre e aérea aos hospitais João XXIII, Mater Dei, Pedro Leopoldo, Risoleta Neves e à UPA Vespasiano.  

“A simulação realística tem o treinamento como princípio de formação de profissionais de saúde, contemplando os nossos currículos, desde a entrada do aluno na faculdade até a graduação, para que os estudantes possam exercitar todos os protocolos de atendimento na prática”, declara o diretor da Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais, José Celso Cunha Guerra Pinto Coelho. “A parceria com a BH Airport demonstra o nosso compromisso e a nossa responsabilidade social, como instituição de ensino, de sair dos nossos muros e fazer a diferença na sociedade em que estamos inseridos”, complementa. 


Além da Feluma (Fundação Educacional Lucas Machado), mantenedora da Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais, o simulado envolveu as parcerias com o CBMMG, CICC (SEJUSP), COP BH, Defesa Civil (CEDEC), Defesa Civil (COPDEC), Departamento de Polícia Federal, DEPEN, DTCEA, Esparta Segurança, Faculdade Pitágoras, GOL linhas Aéreas, Hospital João XXIII, Hospital Materdei, Hospital Pedro Leolpoldo, Hospital Risoleta Neves, Hospital Santa Casa de Lagoa Santa, Hotel Linx, Metropolitan Buness, PAMA-LS, PMMG, PCMG, Policlínica Mãe Quita Confins, SAMU Belo Horizonte, SAMU Contagem, Group, Med Mais, Unir Expresso, UPA Vespasiano, Bem Me Care, Águias Douradas Remoções e Ambar Lounge.

 

Sobre a Faculdade Ciências Médicas – MG  

A Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais (FCM - MG), que tem como mantenedora a Fundação Educacional Lucas Machado (Feluma), possui mais de 70 anos de tradição e credibilidade em educação, no segmento de saúde, e é reconhecida como uma das melhores instituições de ensino superior do país.


Forma profissionais altamente qualificados, por meio de uma proposta pedagógica atual, baseada em técnicas e conceitos inovadores.  


Sobre a BH Airport  

A BH Airport, concessionária do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, é uma Sociedade de Propósito Específico (SPE) formada pelo Grupo CCR, uma das maiores companhias de concessão de infraestrutura da América Latina, e por Zurich Airport, operador do Aeroporto de Zurich, o principal hub aéreo da Suíça e considerado um dos melhores aeroportos do mundo, além da Infraero, estatal com experiência de mais de 40 anos na gestão de aeroportos no Brasil.