top of page

1/2

CDL/BH participa de acordo entre Minas e Emirados Árabes para atrair investimentos para o Estado


Direto da Expo Dubai: ao centro o governador Romeu Zema e o secretáro de Desenvolvimento Econômico Fernando Passalio. E da esquerda para a direita, o presidenteda CDL/BH Marcelo de Souza e Silva. Na outra ponta da mesa, presidente da Fiemg Flávio Roscoe.


Assinatura de termo de cooperação foi realizada durante agenda da

comitiva mineira em Dubai.


Expectativa é criar intercâmbio comercial entre Minas e os países mulçumanos.


A Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) participou nessa segunda-feira, 15, em Dubai, da assinatura de acordo de cooperação

comercial entre o estado de Minas Gerais e os Emirados Árabes.


A oficialização do termo contou

com a participação do governador Romeu Zema, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento

Econômico (Sede), da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) e da Câmara de Comércio Árabe Brasileira (CDIAL).


O objetivo é aumentar o número de empresas instaladas em Minas Gerais aptas a chegar a países mulçumanos, que consomem apenas produtos Halal, ou seja, feitos dentro das normas estabelecidas pela religião e que, portanto, podem ser consumidos por essa parcela da população.


Por esse motivo, o acordo de cooperação técnica teve a participação direta da CDIAL Halal, empresa que certifica que o produto exportado por determinada empresa, seja ele um alimento, fármaco, ou qualquer outro, cumpre os requisitos exigidos pela lei islâmica.


Intercâmbio entre Minas Gerais e o mercado árabe.


As ações previstas pelo acordo têm como objetivo identificar e prospectar oportunidades

comerciais para aumentar o intercâmbio entre Minas Gerais e o mercado árabe,fortalecendo,

especialmente, as exportações mineiras para os países de atuação da Câmara Árabe, dentre eles Egito, Emirados Árabes, Marrocos, Arábia Saudita, Líbano e Catar.


Também são propostas trocas de conhecimento sobre inovações e tecnologias, tanto mineiras, quanto árabes, que podem ser aplicadas nos ambientes público e privado.

“Cada um dos participantes do acordo irá contribuir com suas expertises e experiências para que o estado amplie sua parceria com o mercado árabe.


A CDL/BH irá colaborar, sobretudo, no que refere ao comércio varejista e aos setores de serviços.


Queremos tornar esses segmentos ainda

mais fortes e com grande potencial de exportação”, destacou o presidente Marcelo de Souza e Silva, que frisou ainda a força do comércio no estado, que é responsável por gerar milhões de empregos e representar grande parte do Produto Interno Bruto (PIB) de Minas Gerais.


Na avaliação do governador Romeu Zema, o acordo permitirá um aumento da participação de Minas Gerais neste mercado, que corresponde a quase 2 bilhões de pessoas em todo o mundo.


“Minas Gerais representa 10% da população brasileira e 10% da economia, mas dos produtos Halal representa apenas 4,9% de todo o mercado. Temos um potencial de aumentar essa participação junto à CDL/BH e à Fiemg. Temos o maior interesse em tornar nosso estado um dos principais parceiros da comunidade islâmica.


Espero dizer em pouco tempo que nosso estado dobrou a

participação nesse mercado de produtos”, afirmou o governador de Minas.


Comitiva mineira em Dubai.

A CDL/BH, representada por seu presidente, Marcelo de Souza e Silva e outros cinco profissionais, está no país, a convite do governador, para participar da Expo Dubai 2020 e também para realizar visitas técnicas ao comércio e serviços da cidade para conhecer o funcionamento dos setores, bem como trocar experiências sobre mobilidade, inovação e negócios.


Também fazem parte da comitiva representantes do governo estadual e do Sebrae Minas.


A delegação tem atividades no país até o dia 19 de novembro.


Fonte:

Ascom

CDL/BH

bottom of page