top of page

Colégio Santo Agostinho e CSul Lagoa dos Ingleses apresentam nova unidade da instituição de ensino


Em solenidade realizada nesta quarta-feira, 23, na presença do prefeito de Nova Lima e demais autoridades, foi apresentado o local onde será construída a nova unidade do Colégio na Lagoa dos Ingleses



Da esquerda para a direita: Vereador José Doroteu; Márcio Horta, Diretor Geral da Rede Lius Agostinianos; Diogo Jonata Ribeiro, Vice-Prefeito de Nova Lima; Maury Bastos, Presidente da CSul Lagoa dos Ingleses; João Marcelo Dieguez, Prefeito de Nova Lima; Frei Luiz Antônio Pinheiro, Presidente da Rede Lius Agostinianos e Padre Clésio Ribeiro, da Paróquia São Judas Tadeu, do Jardim Canadá.


PEEFEITO JOÃO MARCELO

CELEBROU:

Presente na solenidade, o prefeito de Nova Lima João Marcelo Dieguez celebrou a nova unidade do Colégio Santo Agostinho na região e ressaltou a importância do plano de desenvolvimento urbano sustentável da CSul Lagos dos Ingleses para o crescimento da cidade. “Esse encontro tem uma simbologia muito grande e muito forte pra Nova Lima e para a região da Lagoa dos Ingleses. Primeiro, porque o projeto CSul enxerga o desenvolvimento com a mesma convicção do nosso governo, responsável, com equilíbrio e sustentabilidade. Segundo, porque tenho certeza que a vinda do Colégio Santo Agostinho pra cá é uma âncora para puxar mais investimentos nesse sentido”, enfatizou.



Maury Bastos, Presidente da CSul Lagoa dos Ingleses e Márcio Horta, Diretor Geral da Rede Lius Agostinianos.


DESTAQUE:

De acordo com Maury Bastos, presidente do Grupo CSul, “o planejamento e criação de novos bairros para a região com foco na sustentabilidade e qualidade de vida tem a cada ano se consolidado com novos empreendimentos que trazem todo conforto da vida moderna em equilíbrio com o convívio com a natureza e a vida ao ar livre. Nosso projeto tem as pessoas no centro de tudo, com foco em uma qualidade de vida que nenhuma outra região poderá oferecer”.


Em ato simbólico, a diretoria do Colégio e os freis agostinianos “cortaram a fita” inaugural do projeto e apresentaram a área de 22.000 m², que irá receber a nova unidade.


Esta será a quinta unidade da instituição em Minas Gerais e terá capacidade para mais de 1.000 estudantes. Com previsão de inauguração até 2027, a unidade segue uma proposta sustentável, valorizando as grandes áreas de preservação ambiental da região.


ONDE SERÁ:

Localizado na Avenida Wimbledon, bem ao centro do Projeto Csul Lagoa dos Ingleses, a nova unidade faz parte do desenvolvimento ordenado e sustentável do Vetor Sul da região metropolitana, ratificando o crescimento da região e a demanda e oferta de serviços de altíssima qualidade para a população local e da região com um todo.


O novo Colégio Santo Agostinho é o ponto de partida para o projeto de expansão planejado pela Rede Lius Agostinianos, lançada este mês pelos freis agostinianos, mantenedores das unidades do Colégio Santo Agostinho em Minas Gerais e Escolas Sociais em Belo Horizonte, Bragança Paulista e Rio de Janeiro.


A atuação em rede foi instituída, com o objetivo de levar para milhares de crianças e jovens uma educação impulsionadora, a partir de novas unidades e soluções educacionais atuais, inovadoras e centradas no educando.


Márcio Horta, diretor Geral da Rede Lius Agostinianos, ressalta que inaugurar a Unidade Alphaville Lagoa dos Ingleses é um marco para o Colégio.


“Isto é motivo de muito orgulho, afinal, reforça que estamos seguindo em direção de nossa missão institucional, que é promover vidas por meio da educação.


Há 90 anos, defendemos com afinco uma educação de valores, pautada na Filosofia Agostiniana, na responsabilidade social e ambiental, preocupada com a formação plena do educando para que ele possa ser protagonista da sua história e, claro, sempre integrados com a realidade dos municípios em que estamos inseridos e do nosso país”, destaca.


Frei Luiz Antônio Pinheiro, presidente da Rede Lius Agostinianos, pontua que “a inauguração é também a realização do sonho dos fundadores do Colégio Santo Agostinho, que em 1929 chegaram a Minas Gerais para implantar o estilo Agostiniano de educar. 


Desde então, a instituição se fortifica a cada dia, ampliando a sua atuação e levando para a sociedade seu compromisso com a educação, que é um compromisso transformador”, enfatiza.


Fonte:

Rodrigo Zavagli

Assessor de Imprensa


Créditos das fotos:

Gilson Souza


Comentarios


bottom of page