1/2

FÁBIO CALDEIRA ASSUME DIRETORIA DA EMC “EMPRESA MINEIRA DE COMUNICAÇÃO” que engloba a TV Minas.


Fábio Caldeira: “o setor do audiovisual e os demais setores da economia criativa são indispensáveis para a recuperação econômica e social provocada pela pandemia”


• Essa é a proposta do doutor em Direito pela UFMG, Fábio Caldeira, que assume a direção de Captação, Projetos e Parcerias da Empresa Mineira de Comunicação (EMC), que responde pela Rede Minas e rádio Inconfidência.


• Segundo Caldeira, “esse momento demonstrou a importância desses setores de forma mais ampla na vida das pessoas” e explica que esse mercado pode fortalecer a capacitação.


• Há menos de um ano o governo de Minas Gerais viu a tela como uma importante ferramenta para auxiliar a educação dos estudantes da rede pública em um momento de confinamento.


• “O desafio, agora, é ampliar”, diz Fábio Caldeira. Ele explica que a experiência mostrou que a formação complementar é um importante instrumento de geração de emprego e renda.


• Para isso, Caldeira assume o cargo articulando um diálogo entre o primeiro, segundo e terceiro setores e já trabalha para efetivar parcerias importantes, como a Fiemg, ALMG, Associação Mineira de Municípios, entidades da sociedade civil e instituições acadêmicas.


• A capacitação vai além da proposta de formação pela TV aberta.


• De acordo com Fábio Caldeira, “a EMC vai contribuir para o fortalecimento na formação e na divulgação das potencialidades do estado”, diz, e lembra como o turismo e a cultura podem ser valiosos aliados ao “ciclo virtuoso de Minas”.


• Desafio

Outra importante meta do novo diretor é atuar com os parceiros para levar o sinal da Rede Minas e da rádio Inconfidência para todo o estado.


• “O desafio é levar o sinal digital para os 853 municípios para possibilitar a universalidade de acessos que compreende a capacitação profissional, educacional e as potencialidades de Minas não só para os mineiros".


• Hoje a emissora pública de TV já chega à casa de milhares de telespectadores no estado e, para o mundo, pela internet.


• A experiência de Fábio Caldeira vem somar os trabalhos da equipe da Empresa Mineira de Comunicação, ligada à Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais, do qual foi subsecretário.


• Graduado em Direito pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG); master em Ciências Políticas pela Universidade Francisco de Vitória, de Madri, na Espanha; e doutor em Direito Público pela UFMG, Fábio tem larga experiência na administração pública.


• No currículo, também foi ouvidor Geral do Governo do Estado de Minas Gerais (2013 a 2016), diretor de Planejamento da Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Belo Horizonte (2009 a 2011) e secretário Municipal de Administração Regional da Prefeitura de Belo Horizonte (2005 a 2008).


Setor cultural

• No setor cultural, além da Secult, esteve à frente do Instituto Cultural Sergio Magnani (2010 e 2011) que, na época, era responsável pela gestão de programas importantes da Fundação Clóvis Salgado e do Centro de Formação e Experimentação Digital PlugMinas.


• A Rede Minas e a rádio Inconfidência integram a Empresa Mineira de Comunicação (EMC) e estão vinculadas à Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais.


COMO SINTONIZAR:

redeminas.tv/comosintonizar

A Rede Minas está no ar no canal 9 (VHF) ou 17 (UHF); Net 20 e Net HD 520; Vivo 9; One Seg (para celulares e portáteis) 9.3; e através do satélite Brasilsat C2 para a América Latina.


ACESSE AS REDES SOCIAIS:

www.redeminas.tv

facebook.com/redeminastv

instagram.com/redeminastv

twitter.com/redeminas

youtube.com/redeminas


ATENDIMENTO AO PÚBLICO:

Tel: (31) 3254-3000

Whatsapp: (31) 98272-6543


Fonte

Tatiana Coutinho de Oliveira Assessora de Imprensa Gerência de Marketing e Comunicação Social Diretoria de Programação e Produção tatiana.oliveira@redeminas.mg.gov.br