1/2

Grupo Anjos da Guarda e as boas práticas sustentáveis. Recebeu o selo Carnon Neutral


Alinhado com o que há de mais moderno nos conceitos de sustentabilidade e boas práticas, o grupo Anjos da Guarda, que tem a liderança do executivo Afonso Oliveira, fundador e CEO do Grupo, é a primeira empresa no segmento de segurança a fazer compensação de carbono e ter o selo Carbon Neutral.


Adotou, em 2018, uma área de 40 mil m² por meio da organização SaveCerrado que atua na recuperação e preservação de áreas críticas do bioma.

A responsabilidade social e preservação ambiental sempre foram premissas para o grupo.


Na sede da Anjos da Guarda, em Belo Horizonte, a captação de energia fotovoltaica sustenta parte da demanda do prédio. Em 2021, com uso dessa tecnologia, a empresa deixou de emitir 391kg de Dióxido de Carbono ou Gás Carbônico (CO2) na atmosfera. O CO2 é considerado o gás de maior emissão - aproximadamente 78% - pelos humanos e conhecido pelos resultados no aquecimento global.


Além disso, a sigla ESG, que em Português significa Ambiental, Social e Governança, também passou a fazer parte da agenda ambiental da Anjos da Guarda. ESG é um conjunto de ações e práticas adotadas por aqueles que visam à preservação de recursos naturais, a redução do consumo de energia, bem como a utilização de fontes de energia renováveis.


A iniciativa reflete o modelo de gestão comprometido de Afonso Oliveira. “Temos responsabilidades neste processo. Clientes e consumidores querem, cada vez mais, empresas com essa preocupação, com o meio ambiente como um dos seus valores.”


Fonte

infinitacom.com.br