O presidente da CDL/BH, afirma que a decisão de abrir o Mercado Central reforça posição da CDL/BH


O presidente da CDL/BH, afirma que a decisão de abrir o Mercado Central também reforça o posicionamento da CDL/BH de que é possível promover a reabertura gradual e segura do comércio da cidade antes do dia 25, como está atualmente previsto.


Já estamos trabalhando junto aos setores de comércio e serviços para que retornem de forma segura.


Os estabelecimentos estão preparados para abrir suas portas adotando normas e procedimentos que atendam às recomendações das autoridades de saúde.


Assim como aconteceu no Mercado Central, entendo ser possível abrir gradualmente outros segmentos dos setores de comércio e serviços”, afirmou Souza e Silva, ressaltando que vai colocar essa possibilidade em pauta na reunião de hoje do Comitê formado pela prefeitura para estudar a reabertura do comércio.