Para reduzir efeitos econômicos do Coronavírus, CDL/BH busca ajuda junto aos governos

CDL/BH em ação!!!

Para reduzir efeitos econômicos do Coronavírus, CDL/BH busca junto aos governos linhas de crédito diferenciadas e prorrogação do pagamento de impostos

Para reduzir os efeitos econômicos da pandemia do novo Coronavírus nos setores de comércio e serviços da capital mineira, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) buscou junto aos governos federal, estadual e municipal concessão de linhas de crédito com condições diferenciadas para os empresários e parcelamento do pagamento de impostos.


Segundo o presidente da entidade, Marcelo de Souza e Silva, nesse momento em que o setor produtivo e a sociedade estão sofrendo os efeitos da pandemia, é preciso que medidas sejam tomadas pelos governos para diminuir os prejuízos.


“Precisamos manter as empresas e os empregos”, disse.


Nesta terça-feira (17/03), Souza e Silva enviou ofícios para o Presidente da República, Governador do Estado e Prefeito da Capital explicando as reinvindicações.


Confira:

A solicitação ao governo federal inclui:

• Parcelamento em até seis vezes do pagamento dos valores devidos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e da parte da União no Simples Nacional.

• Concessão de linhas de crédito com condições diferenciadas junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

• Edição de uma Medida Provisória possibilitando ao empregador conceder férias coletivas aos funcionários, dispensando a comunicação ao órgão local do Ministério do Trabalho, com a antecedência de 15 dias.

Ao governo estadual, a CDL/BH solicitou:

• Prorrogação do pagamento dos impostos estaduais, inclusive da parte do Estado no Simples Nacional por três meses.

• Parcelamento, em até seis vezes, dos impostos devidos.

• Disponibilização de linhas de crédito com condições diferenciadas junto ao Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG).

À Prefeitura de Belo Horizonte foi solicitado:

• Prorrogação, por três meses, dos impostos municipais, inclusive na parte do Município no Simples Nacional.

• Parcelamento, em até seis vezes, dos valores devidos.

Contato

Assessoria de Imprensa da CDL/BH

Cristina Reis / Maristela Moreira / Isabela Braga

(31) 3249-1632 / 98751-1473 - assessoriadeimprensa@cdlbh.com.br