1/2

Redução do imposto de importação sobre o vergalhão de aço de 10.8% para 4% agrada o Sinduscon-Minas


Para o presidente do Sinduscon, Renato Michel, essa medida é “um reconhecimento da importância do setor da Construção Civil como geradora de emprego e renda para a economia nacional''.


Também é um reconhecimento de que os aumentos registrados por esse produto eram desproporcionais. A vitória não é da Construção, a vitória é do País”


Redução de 10.8 parac4%.

Por meio do Comitê Executivo da Câmara de Comércio Exterior (Camex), o governo federal anunciou nesta quarta-feira (11/05) a redução da alíquota do imposto de importação sobre o vergalhão de aço (CA50 e CA60) de 10,8% para 4%.


De agosto de 2020 a abril de 2022, o aço subiu 109,21%, de acordo com o Custo Unitário Básico da Construção (CUB/m2), calculado e divulgado pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de Minas Gerais (Sinduscon-MG).


Para o presidente do Sinduscon, Renato Michel, o setor espera que, com isso, novos aumentos sejam inibidos e o segmento tenha mais tranquilidade para trabalhar.


O Sinduscon-MG agradece o empenho da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) nessa importante conquista para o nosso setor - disse o presidente do Sinduscon/MG.


Fonte:

interface.com.br