S.O.S. Estragos da chuva: Fiemg faz parceria importante.


    S.O.S

    Estragos da chuva:

    Fiemg em ação!!!


    Federação das Indústrias de Minas Gerais (FIEMG) está trabalhando em parceria com o governo estadual na estruturação de uma série de ações de mitigação dos danos nos municípios mais afetados pelas chuvas dos últimos dias.


    A iniciativa foi detalhada em entrevista no dia 29/1, na sede do BDMG, pelo presidente da Federação, Flávio Roscoe e pelo governador Romeu Zema. Também foram feitas orientações sobre doações para os atingidos pelas chuvas em Minas Gerais.


    O presidente da FIEMG lembrou que a entidade tem atuado desde o primeiro momento, mobilizando as empresas no apoio a sociedade atingida pelas chuvas num trabalho coordenado com a Defesa Civil.


    “Como parte integrante da sociedade, as empresas se uniram aos cidadãos e ao poder público no apoio às pessoas que sofrem com desmoronamentos, deslizamentos e enchentes”, salientou.


    Ele observou que a iniciativa agrega bens produzidos por elas, como máquinas, equipamentos, conjuntos de EPI e insumos de primeira necessidade.


    A entidade se articulou com os sindicatos representantes da indústria e empresas de seu Conselho Estratégico para agilizar o atendimento.


    O governador Romeu Zema agradeceu o apoio da FIEMG e informou que o BDMG está atuando na melhoria de linhas de crédito para atenuar os prejuízos.


    Também presente a coletiva, o presidente do Sindicato da Construção Pesada (Sicepot), Emir Cadar, detalhou, a pedido do presidente da FIEMG, o trabalho que vai envolver empresas que estão cedendo pessoal especializado e máquinas para o trabalho nas ações de reparo dos danos nos municípios mais afetados.


    BDMG Geraminas Solidário - O BDMG Geraminas Solidário é uma linha de financiamento a capital de giro disponibilizada pelo BDMG, por meio de sua plataforma digital, e que tem como objetivo apoiar micro e pequenos empresários de municípios fortemente atingidos pelas chuvas.


    A linha possui taxas a partir de 0,83% a.m. e prazo total de até 48 meses.


    Quando comparado aos demais produtos de capital de giro para micro e pequenas empresas ofertados pelo banco, o Geraminas Solidário é o que apresenta os melhores preços.


    Podem pleitear o financiamento empresas com mais de 6 meses de operação e faturamento anual de até R$ 4,8 milhões, localizadas em municípios que decretaram Situação de Emergência (SE) e/ou Estado de Calamidade Pública (ECP) por motivos relacionados às chuvas.


    A base de dados utilizada como referência pelo BDMG para acompanhamento dos municípios que decretaram a situação de emergência ou calamidade é a listagem da Defesa Civil de Minas Gerais.


    A linha estará disponível no site do BDMG até 30 de abril de 2020.


    BDMG Geraminas Solidário Municípios

    O BDMG Geraminas Solidário Municípios tem como objetivo financiar projetos de investimento municipais cuja finalidade seja a retomada da atividade econômica por situação de emergência decorrente de eventos geológicos, biológicos, com substâncias radioativas, rompimento ou colapso de barragens, enxurradas, ciclones ou tempestades ou estado de calamidade pública.


    São financiáveis compras de máquinas rodoviárias e equipamentos para pavimentação; reformas em edificações públicas municipais; sistemas de abastecimento de água, tratamento de esgoto e de resíduos sólidos urbanos; e infraestrutura e drenagem urbanas.


    Os itens financiáveis devem ser vinculados ao motivo da situação de emergência ou de calamidade pública.


    Poderão ser beneficiados municípios mineiros, que tiverem decretado situação de emergência ou estado de calamidade pública, reconhecidos pelo Poder Executivo Federal.


    Para fins de enquadramento do Município afetado por desastre natural na Linha, será observado o prazo de 6 (seis) meses a partir da data de publicação, no Diário Oficial da União, de Portaria de reconhecimento da situação de emergência ou do estado de calamidade, devendo o protocolo do pedido de financiamento no BDMG, para homologação, ocorrer nesse prazo.


    Cada município poderá pleitear financiamento de até R$ 5 milhões, à taxa de Selic + 6% a.a. ou, para o caso de municípios com IDH abaixo da média do estado, Selic + 5% a.a. e prazo total de até 84 meses.


    Renegociação de Dívidas - Oferta de carência intermediária de 6 meses para os municípios e empresas atingidas pelas chuvas e com decreto de calamidade.


    Atualmente 118 municípios são enquadráveis no BDMG